28.4 C
Guanambi
23.2 C
Vitória da Conquista

Segunda etapa da campanha de vacinação contra Aftosa foi lançada em Itapetinga

spot_img
- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

A cidade de Itapetinga recebeu nesta quinta-feira (4), o evento de lançamento da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa, que segue até o dia 30 de novembro para bovinos de zero a 24 meses.

A região é uma das mais tradicionais na bovinocultura do estado, com mais de um milhão de cabeças, e foi no município, em abril de 1968, que o estado da Bahia realizou a primeira vacinação contra a febre aftosa. Durante o lançamento, o fiscal estadual agropecuário, Iram Ferrão, deu uma palestra sobre as “Implicações do avanço para uma área livre de febre aftosa sem vacinação”.

Representando o secretário da Agricultura da Bahia, Alisson Gonçalves pontuo o papel do governo do estado na defesa agropecuária. “Estamos aqui para nos empenhar em fortalecer essa Agência que reúne todos os fatores para ser vetor de desenvolvimento econômico dado o seu trabalho na base da produção”, avaliou Gonçalves.

Presente ao evento, o prefeito de Itapetinga, Rodrigo Hagge, lembrou que o trabalho contra a doença requer união entre os elos da cadeia produtiva. “Coesão é a característica do setor em nossa região, mesmo em circunstâncias de mercado desfavoráveis porque nosso objetivo sempre foi a defesa do patrimônio da produção rural”.

O último foco de febre aftosa identificado na Bahia ocorreu em 1997 e, a partir dali, o estado iniciou um intenso trabalho de combate à doença, incluindo a criação da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) em 1999. Esse fato foi lembrado pela presidente da Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa da Bahia, a deputada estadual Jusmari Oliveira.

“Não foi à toa que o primeiro ato de vacinação contra a febre aftosa aconteceu em Itapetinga. Estamos numa região simbólica para a atividade e que, ao longo dos anos, adquiriu qualidade, reconhecimento e aumento de mercados”, enfatizou.

A ênfase dessa segunda etapa da campanha de vacinação está sendo a geolocalização de propriedades como parte da estratégia de suspensão da obrigatoriedade da imunização dos animais. O destaque da região vai para o município de Itambé onde 100% das fazendas já foram georreferenciadas pelos técnicos da Adab, com o apoio do setor produtivo.

“A produção é nossa, mas ninguém faz defesa agropecuária sozinho. Temos que estar juntos em todas as ações, realizando as atividades de forma compartilhada e coordenada com sindicatos, cooperativas e frigoríficos”, destacou o diretor geral da Adab, Oziel Oliveira, acompanhado pelo diretor de defesa sanitária animal, Carlos Augusto Spínola, acrescentando que “nesse sentido, a Adab é um órgão preventivo que existe para garantir a pujança do agro”.

Participaram ainda do evento o presidente do Sindicato Rural de Itapetinga, Dilermando Campos, o presidente da Coopardo, Alex Coelho, o secretário de Agricultura de Itapetinga, Felisdênio Xavier, o vice-prefeito de Itapetinga, Renan Pereira e, representando o deputado estadual Rosembergue Pinto, Sibely Nere.

Informações da Adab

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -