23.9 C
Guanambi
21 C
Vitória da Conquista

Grupo de Mulheres de Pindaí celebra investimentos no sistema produtivo da mandioca

Mais Lidas

https://materiais.henet.com.br/guanambi

As 45 mulheres da Associação dos Pequenos Produtores do Barreiro, com sede na zona rural de Pindaí, celebram as conquistas obtidas a partir dos investimentos do Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva. Com as intervenções, a produção de bolos e biscoitos, que já é comercializada em feiras e mercados da região, foi incrementada.

Os recursos foram aplicados na requalificação de uma Cozinha Comunitária, para qualificar o processo de beneficiamento de derivados da mandioca, e na aquisição de equipamentos, além do serviço de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER). O valor do investimento é da ordem de R$ 644,9 mil.

Azenida Ramos Ciríaco Duarte, atual tesoureira da Associação, destacou que sem os equipamentos necessários, muitas vezes, as associadas desanimavam, mas que com a chegada dos equipamentos e a real possibilidade de geração de renda elas celebram uma grande vitória para a associação, que segue buscando parcerias para continuar se desenvolvendo.

“Os investimentos chegaram para clarear o caminho de todas nós que moramos na zona rural e, com a Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), para nos auxiliar com o conhecimento, no desenvolvimento da agricultura familiar. É disso que a agricultura familiar necessita, dessa parceria, de investir nas pessoas. Daí se desenvolvem, produzindo alimentação de qualidade. O prato na mesa do agricultor está sendo mais farto e o Governo quer que esse produtor se desenvolva onde ele está”, afirmou Azenida.

Capacitação

Para qualificar a produção e potencializar o trabalho da Associação, as mulheres receberam, nesta semana, uma equipe do Sebrae que ministrou o curso sobre a produção de alimentos derivados da mandioca, apresentando uma diversidade de produtos e de possibilidade desse sistema produtivo. “Nossa expectativa é muito grande e o curso do Sebrae trouxe conhecimento, que é o algo a mais, que estimulou as beneficiárias a fazer ainda mais e melhor para a própria família e para os outros consumidores”, ressaltou Azenida.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas Notícias