22.4 C
Guanambi
20.4 C
Vitória da Conquista

Inmet divulgou boletim com previsões para todo o Brasil até 13 de dezembro

Mais Lidas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou nesta segunda-feira (27), a conclusão da previsão do tempo pra as próximas duas semanas em todo o país.

De acordo com o órgão, entre os dias 27 de novembro e 04 de dezembro, os maiores volumes de chuva estão previstos para o oeste e sul do País, conforme mostram os tons em vermelho e rosa no mapa da figura 1.

Além disso, são previstas pancadas de chuva em áreas das regiões Centro-Oeste e Sudeste devido ao calor e a alta umidade. Em contrapartida, em grande parte da Região Nordeste, a previsão é de tempo quente e seco, como indicam os tons em branco e azul no mapa do mesmo mapa.

Figura 1 - Previsões de 27 de novembro a 4 de dezembro - Fonte: Inmet
Figura 1 – Previsões de 27 de novembro a 4 de dezembro – Fonte: Inmet

As previsões indicam que podem ter chuvas no interior da Bahia na virada do mês, Principalmente no Extremo-Oeste, Centro-Sul e Sul, no entanto, os volumes mais uma vez devem ser insuficientes para reverter o quadro de seca nas áreas mais afetadas, com precipitações irregulares pelo estado.

Na semana passada o Inmet divulgou os prognósticos para todo o mês de dezembro, indicando chuvas abaixo e calor acima da média em toda a Bahia, condições típicas da atuação do El Niño, que também teve sua situação atualizada pelos órgãos meteorológicos brasileiros.

Confira, a seguir, a previsão do tempo detalhada para cada região do País nas próximas duas semanas.

Previsão para a 1ª semana (27 de novembro a 4 de dezembro)

Para a Região Norte, a previsão é de chuva em forma de pancadas, com valores maiores do que 50 milímetros (mm) no Amazonas, Acre, Rondônia, Pará, norte do Amapá e Tocantins, podendo vir acompanhadas de raios, rajadas de vento e trovoadas devido ao calor e a alta umidade. Nas demais áreas, não descartam pancadas de chuva isoladas (tons em azul no mapa).

Na Região Nordeste, o início da semana terá pancadas de chuva isoladas em áreas do Rio Grande Norte, Ceará e sertão paraibano, podendo vir acompanhadas de raios, rajadas de vento e trovoadas devido ao calor e a alta umidade. Na faixa litorânea entre Pernambuco e sul da Bahia, estão previstas chuvas pontuais, podendo chegar a 30 mm. No entanto, não se descartam pancadas de chuva isoladas no Maranhão, Piauí, oeste da Bahia, incluindo áreas do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia). Já no interior da região, a previsão é de tempo seco e sem chuva, além de baixos valores de umidade relativa, conforme mostram os tons em branco e azul do mapa.

São previstas chuvas intensas e mais localizadas em áreas de São Paulo, Rio de Janeiro, triângulo e sul mineiro, além da Região Centro-Oeste, podendo superar 60 mm e serem acompanhadas de raios, rajadas de vento e trovoadas. Menores acumulados são previstos em áreas pontuais da Região Sudeste.

Na Região Sul, os temporais continuam no decorrer da semana devido à atuação de uma massa de ar quente e úmida, podendo vir acompanhadas de raios, rajadas de vento e queda de granizo. Os maiores acumulados podem ultrapassar 70 mm em áreas do noroeste do Rio Grande do Sul, além de grande parte de Santa Catarina e oeste do Paraná. Para mais detalhes, confira os avisos disponibilizados no portal do Inmet.

Na segunda semana, entre os dias 05/12 e 13/12, a previsão indica acumulados de chuva maiores que 60 milímetros (mm) no oeste e sul do Brasil, além da porção central do país e leste da Região Sudeste.

Previsão para a 2ª semana (05 a 13 de janeiro)

Previsões 5 a 13 de dezembro
Figura 2 – Previsões de 5 a 13 de dezembro – Fonte: GFS

Para a Região Norte, são previstos acumulados maiores que 50 mm no Amazonas, Acre, Rondônia, Tocantins e sul do Pará. Na parte norte, a previsão é de pouca chuva, com acumulados inferiores a 20 mm.

Na Região Nordeste, a previsão é de tempo seco e sem chuva, além de baixos valores de umidade relativa no interior da região. São previstas pancadas de chuva passageiras no Maranhão, Piauí e Bahia, que inclui áreas do Matopiba, com valores que podem ultrapassar 20 mm.

Nas regiões Centro-Oeste e Sudeste, há previsão de pancadas de chuva que devem ultrapassar 50 mm, especialmente no Rio de Janeiro, São Paulo, sul e triangulo mineiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal. Nas demais áreas, não se descartam pancadas de chuva de forma isolada.

Na Região Sul, a previsão é de acumulados de chuvas intensas e maiores que 70 mm no Rio Grande do Sul, oeste de Santa Catarina e Paraná.

O boletim nº 47/2023 pode ser consultado na íntegra com a previsão completa para os próximos 15 dias e as condições observadas no Brasil na última quinzena.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas