22.4 C
Guanambi
20.4 C
Vitória da Conquista

Prefeitura de Guanambi esclarece sobre inscrições para as 150 residências do Minha Casa Minha Vida

Mais Lidas

Na última semana, o Ministério das Cidades divulgou a lista de empreendimentos contemplados da nova fase do Programa Minha Casa Vida. Das cerca de 187 mil residências aprovadas, 150 serão construídas em Guanambi.

Nesta quarta-feira (29), a Prefeitura de Guanambi, por meio da Secretaria de Assistência Social, comunicou que ainda não há previsão para o início das inscrições do dos interessados, o que só deve acontecer em 2024.

“O município foi contemplado, e após isso, tem outras etapas. Os critérios de escolha, como e onde serão construídas as novas residências, não foram definidos ainda. As famílias interessadas podem ficar tranquilas, pois quando formos abrir as inscrições para a seleção, vamos anunciar amplamente em todos os veículos oficiais, nas rádios, redes sociais, nos sites da cidade, etc”, disse Carla Maria, titular da pasta.

A secretária ainda frisou que esta seleção será bastante rigorosa, se possível, com visitas para averiguar a real situação in loco de quem for contemplado e abertura de um canal de denúncias para averiguação. “O prefeito nos pediu, acima de tudo, uma seleção justa, para aqueles que precisam realmente realizar o sonho da casa própria”, finalizou.

Programa

Na última quinta-feira (23, o Ministério das Cidades, por meio da Portaria nº 1.482, formalizou a seleção das propostas do Novo Minha Casa, Minha Vida. A portaria, assinada na quarta-feira (22) pelo ministro Jader Filho durante uma cerimônia no Palácio do Planalto que contou com a presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Na ocasião, foram divulgadas as 187,5 mil unidades habitacionais selecionadas, distribuídas em mais de 1,2 mil empreendimentos, beneficiando 560 municípios por todo o Brasil. Dessas unidades, 184 mil estão destinadas a famílias cadastradas em programas habitacionais, abrangendo todos os estados brasileiros.

As 3 mil restantes serão direcionadas a famílias que perderam seus únicos imóveis por emergências, situações de calamidade pública ou devido à realização de obras públicas federais nos estados do AC, AM, PE, RS e SP.

Durante o evento de lançamento da etapa do programa, o ministro das Cidades, Jader Filho, mencionou que foram recebidas mais de 900 mil propostas para a construção de unidades habitacionais, evidenciando a grande procura pelo programa de unidades habitacionais. “Essa é a primeira seleção. Teremos seleções em 2024, 2025 e 2026. Essas propostas serão consideradas, e o programa vai atender às famílias que querem realizar o sonho da casa própria.”

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas