20.6 C
Guanambi
18.3 C
Vitória da Conquista

Inmet emite alerta de chuvas para 16 municípios do Oeste da Bahia

Mais Lidas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo alerta Amarelo, de Perigo Potencia, para chuvas intensas em mais de 1,2 mil municípios, envolvendo todos os municípios de Goiás e Tocantins, além do Distrito Federal, e áreas da Bahia, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais e Piauí.

O alerta começou às 9h43 deste domingo (3) e tem validade até 10h desta segunda-feira (4). É provável que novos alertas sejam emitidos nos próximos dias, tendo em vista que as previsões indicam possibilidade de chuvas nestas localidades pelo menos até o meio da semana.

Nestas regiões, podem ocorrer chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, além de ventos intensos, com rajada de 40 a 60 km/h. Tais condições trazem baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Na Bahia, apenas o Extremo-Oeste está incluindo no alerta, cobrindo o território de 16 municípios – Angical, Barreiras, Buritirama, Campo Alegre de Lourdes, Catolândia, Cocos, Correntina, Cotegipe, Formosa do Rio Preto, Jaborandi, Luís Eduardo Magalhães, Mansidão, Pilão Arcado, Riachão das Neves, Santa Rita de Cássia e São Desidério.

As localidades mas próximas ao rio São Francisco e na faixa de divisa com Minas Gerais podem receber chuvas isoladas, mas não estão sob alerta. Por outro lado, na maior parte do estado, o tempo seco deve prevalecer. Outro alerta do Inmet, também Amarelo, indica baixa umidade em 214 municípios das regiões, Centro Sul, Vale São-Franciscano, Nordeste, Centro Norte e Metropolitana de Salvador.

A meteorologia indica que nestas áreas pode haver registros de umidade relativa do ar variando entre 30% e 20%, com baixo potencial nocivo à saúde e baixo risco de incêndios florestais. Entretanto, é importante manter a hidratação, consumindo bastante líquido, principalmente água, e que evitar o desgaste físico e exposição ao sol nas áreas mais quentes e secas do dia.

Veja o Alerta Amarelo para chuvas intensas

Veja o Alerta Amarelo para baixa umidade

Prejuízos em Luís Eduardo Magalhães

No início da noite da última sexta-feira (1º), moradores de Luís Eduardo Magalhães foram surpreendidos com uma chuva acompanhada de granizo e ventos de quase 70 km/h. Vários prejuízos foram registrados na cidade, como a cobertura de um posto de combustíveis que caiu sobre veículos e vários galpões de empresa que foram destelhados.

Chuvas abaixo da média

Em Barreiras, o acumulado de chuva em novembro foi de pouco mais de um terço da média climatológica (1991-2020), condições que estão atrasando o plantio de grãos na região. Em Vitória da Conquista, no Centro-Sul, o volume de chuvas em novembro é o menor em 48 anos de registros do Inmet.

A falta de chuva também está afetando a vazão do Rio São Francisco, já que seus principais afluentes continuam na cota de estiagem.

Veja a previsão para os próximos dias

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas