23 C
Guanambi
19.4 C
Vitória da Conquista

Ônibus que atendem zona rural ganharam nova identidade visual em Vitória da Conquista

Mais Lidas

A Prefeitura de Vitória da Conquista apresentou nesta sexta-feira (16), no pátio do Centro Cultural Glauber Rocha, a nova identidade visual que será aplicada nos veículos do transporte rural. O evento contou com representantes das categorias que compõem o sistema de transporte coletivo do município, além de autoridades local.

De acordo com informações do órgão, o novo layout terá grafismos semelhantes aos dos ônibus do transporte urbano, mas tendo o amarelo como cor predominante. O objetivo é que a padronização seja implantada nos 130 ônibus que rodam pelos 3,5 mil quilômetros que formam a zona rural conquistense, percorrendo os 11 distritos e 340 povoados e transportando, em média, 15 mil pessoas por dia.

“Tenho certeza de que todos gostaram. A gente sabe das dificuldades de cada um para conseguir padronizar, mas nós precisamos dar o primeiro passo. Precisamos confiar que essa identidade vai trazer um reconhecimento para o sistema. E o sistema vai ter mais pessoas utilizando, porque o que é organizado e bonito, traz uma vontade de participação”, explicou a prefeita Sheila Lemos.

Conforme informou a gestora, a nova identidade visual é somente o primeiro passo para as mudanças que estão por vir. A próxima etapa, ainda com logística e datas a serem definidas, será a implantação de bilhetagem eletrônica e sistema de GPS nos ônibus rurais – e, principalmente, a possibilidade de promover a integração entre o sistema rural e o urbano.

Isso permitirá que as pessoas que vêm da zona rural utilizem também os ônibus do sistema urbano, sem ter de pagar novas passagens por isso. Assim, a despesa com o deslocamento ficará restrita à passagem que pagaram para viajar de suas casas até o perímetro urbano.

“Lá na frente, quando a gente estiver com o sistema organizado, vamos trazer a integração para que as pessoas que venham da zona rural consigam rodar nos ônibus da zona urbana com a mesma passagem que pagaram na zona rural”, detalhou Sheila.

“É muito importante trazer qualidade de vida para quem mora na zona rural”, disse ainda a prefeita. “Precisamos dar esse primeiro passo para, depois, dar o segundo e o terceiro, para que a gente faça essa integração de verdade. E que a gente consiga fazer com que as pessoas da zona rural se sintam acolhidas de todas as formas, aqui na zona urbana”, complementou.

Foto: Reprodução/ Prefeitura de Vitória da Conquista

Iniciativa pioneira

O coordenador municipal de Transporte, Sérgio Hubner, destacou o pioneirismo da iniciativa, por ser a primeira vez que a Prefeitura define uma padronização visual para os veículos que rodam pela zona rural.

Outro aspecto a ser destacado, segundo ele, é a valorização da categoria. “Estamos criando uma identidade para que a gente possa perceber o volume que é o transporte público do nosso perímetro urbano e rural”, disse. “Essa identidade visual segue o mesmo padrão e os mesmos princípios que a gente está aplicando na concessão urbana. No segundo momento, queremos colocar os validadores, a bilhetagem eletrônica”.

Hubner ressaltou os ganhos para a população rural, principalmente para as pessoas que vêm à zona urbana para trabalhar, estudar e resolver outros tipos de demandas pessoais. “Toda a população que desce aqui de manhã, para trabalhar em algum lugar da cidade, não vai precisar pagar a passagem nos ônibus urbanos. Ela vai fazer uma integração temporal. E ela também fará isso no sentido inverso, regressando para o seu destino”.

Combatendo o transporte irregular

O presidente do Sindicato do Transporte Rural de Vitória da Conquista e Região (Sindtran), Sebastião dos Santos Filho, disse acreditar que as mudanças – a começar pela padronização visual – vão contribuir para o combate ao transporte clandestino no interior do município. “Essa nova roupagem dos veículos é recebida com muita satisfação e alegria, porque é uma forma de a gente mostrar o que tem na zona rural, e separar esse transporte daquele que é irregular”, afirmou.

“A gente vê uma mudança e uma forma de integração do transporte, e também de unificar os transportes de Vitória da Conquista”, concluiu Sebastião.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas