Através da articulação do Núcleo das Associações Quilombolas e Comunidades Tradicionais do Estado da Bahia, mais uma comunidade quilombola de Palmas de Monte Alto recebeu o Selo Quilombos do Brasil, durante a VIII Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária (FEBAFES), realizada nesta quarta-feira (29/11), no Parque de Exposições de Salvador, em paralelo à 30ª edição da Fenagro. Na ocasião, a localidade de Leão foi à comunidade contemplada com a ação, que é coordenada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf), realizada em parceria com a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead), para a concessão dos selos.

A concessão do Selo Quilombos do Brasil foi instituída no ano de 2010 e teve sua expedição associada e articulada ao Selo de Identificação da Participação da Agricultura Familiar (SIPAF), instituído em 2012 e a concessão do Selo Indígena do Brasil foi instituído em 2014, pelo extinto Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), atualmente, Sead.

Representando o presidente da Associação do Quilombo Leão, que não pôde estar presente, Raimundo Ribeiro Brito, membro da Associação de Aroeira, recebeu o selo. Com este, o município de Palmas de Monte Alto já contabiliza 07 Selos Quilombos do Brasil – SIPAF tornando-se o município com o maior número de Selos entregues no território Sertão Produtivo, desde 2016.

Presenças – O evento contou com a participação da secretária de Políticas para Mulheres (SPM), Julieta Palmeira; do secretário de Turismo (Setur), José Alves; do representante do Fórum Baiano da Agricultura Familiar (FBAF), Elisângela Araújo; e representando a Secretária de Ciência e Tecnologia (Secti), Edson Valadares; da União das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bahia (Unicafes-BA), Iara Andrade,; da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, representando a Slow Food, Revecca Tapie; de parlamentares e da Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Estado da Bahia, entre outros.

Vilson Nunes 

Anúncio

Deixe uma resposta