Foto: Ascom PMG

Tiago Marques | Agência Sertão

O primeiro turno das eleições de 2018 acontece neste domingo (7) em todo o país. Em Guanambi, 60.392 eleitores estão aptos a votar nesta eleição. O número é um pouco menor do que o das eleições municipais de 2016, quando 60.408 estavam aptos. Em relação às eleições de 2014, houve crescimento, naquele ano 57.711 eleitores podiam votar.

O número só não é maior devido ao cadastramento biométrico que foi obrigatório para estas eleições. Segundo a Justiça Eleitoral, cerca de 6 mil títulos foram cancelados no município pelo não comparecimento do eleitor ao Cartório Eleitoral durante o prazo do cadastramento.

As mulheres respondem a 53,1% do eleitorado guanambiense, enquanto que os homens representam os outros 46,9%. O eleitores com menos de 50 anos correspondem a 67,21% do total. Os eleitores com menos de 18 anos correspondem a 1,28% do total, o voto neste caso não é obrigatório.

Também não obrigatório o voto de eleitores maiores de 70 anos, este grupo corresponde a 8,02% do eleitorado. Trinta eleitores têm entre 95 e 99 anos e cinco eleitores tem mais de 100 anos de idade.

Os eleitores com Ensino Médio Completo são a maioria em Guanambi, 27,07%. Em seguida aparecem os eleitores com Ensino Fundamental Incompleto, 17,17%. São 16,72% os eleitores que saber ler e escrever, 11,22% se declaram analfabetos. O grupo de eleitores com Ensino Médio Incompleto correspondem a 10,9% do eleitorado. Os eleitores com Ensino Superior Completo corresponde a 9,22% e com Superior Incompleto são 4,34%. Os eleitores com Ensino Fundamental Completo correspondem a 3,37% do total.

64 eleitores informaram à Justiça Eleitoral possuírem alguma deficiência física. Dois eleitores pediram a inclusão do nome social em seus títulos.

Em 2016, nas eleições municiais, 50.873 eleitores compareceram para votar em Guanambi, o número corresponde a 84,2% dos votantes daquele ano.

 

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui