Vítima tinha 51 anos e trabalhava na colheita de banana

Um policial militar acusado de matar a tiros um trabalhador rural do Projeto Formoso, em Bom Jesus da Lapa, se apresentou à polícia em Juazeiro, onde foi preso.

O crime foi cometido no último sábado (15) e a vítima foi José Pinheiro dos Santos, de 51 anos, ele trabalhava na colheita de banana quando foi morto por motivo fútil pelo policial, que estava e um carro com mais três pessoas.

Houve uma discussão por conta do caminhão carregado com bananas que bloqueava a estrada no setor 4, o assassino sacou a arma e efetuou vários tiros, um atingiu as costas de Zé Pinheiro.

O policial se apresentou acompanhado de seu advogado à 17ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), onde foi dado cumprimento ao mandado de prisão. Ele não teve o nome revelado.

De acordo com o delegado da 24ª de Polícia do Interior (Coorpin) de Bom Jesus da Lapa, um inquérito policial foi instaurado e poderá ser concluído no prazo de 10 dias, podendo ser prorrogado.

Manifestantes incendiaram um posto policial na noite de domingo (16), no Setor 33, em protesto contra a ação do policial militar que terminou na morte do trabalhador.

Com informações do Folha do Vale

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui