Reprodução

Os três trabalhadores que morreram na explosão de um caminhão da empresa EPCL – Empreendimentos, Projetos e Construções, na tarde desta segunda-feira (19), no povoado de Riacho do Meio, em Cocos, foram identificados na manhã desta terça-feira (20).

De acordo com a delegada Luzmaia Cecília, os três profissionais foram identificados como Anderson Ângelo de Lima, de 25 anos, Fredson Rocha Santos, de 30 anos, e Maicon de Jesus Almeida, de 34 anos.

Eles são das cidades de Sítio do Mato, Brumado e Bom Jesus da Lapa respectivamente. Os funcionários da empresa EPCL faziam a manutenção na rede elétrica, no povoado, no momento em que o caminhão explodiu.

Populares acreditam que a explosão pode ter sido provocada por conta de dinamites usadas pela empresa para perfurar buracos, no entanto, só os peritos poderão confirmar.

A Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar as circunstâncias do acidente, segundo informação da titular de Cocos.

Em nota emitida ainda na noite desta segunda-feira, o prefeito Marcelo de Souza Emerciano (Dr.Marcelo), lamentou o ocorrido e manifestou apoio incondicional aos familiares das vítimas.

* Com informações do Portal Folha do Vale

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui