Destaque Guanambi
Foto: Tiago Marques / Agência Sertão

Deve começar a chover de forma constante e mais frequente em Guanambi a partir deste domingo (24). Para os próximos 10 dias, a meteorologia prevê acumulados que podem passar dos 100 mm na região.

Desde quinta-feira (22), a nebulosidade vem aumentando em boa parte da metade sul da Bahia, efeito de um ciclone subtropical, localizado no oceano, na altura dos Estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. O fenômeno tem potencial de provocar temporais acompanhados de ventos fortes em regiões de Minas e do Espírito Santo, além de toda faixa litorânea do norte do Rio de Janeiro ao sul da Bahia.

Veja também: Monitor de Secas registra leve aumento da severidade da seca na Bahia

Um pouco desta umidade deve avançar para o Norte de Minas, Oeste e Sudoeste da Bahia. Nestas regiões, as previsões são de chuvas de menor intensidade, mas que podem acontecer em quase todos os dias das próximas semanas.

Em Guanambi, algumas localidades tiveram formação de chuviscos e de pancadas rápidas entre quinta e sexta-feira (23). Do outro lado da Serra dos Montes Altos, nos municípios de Palmas de Monte Alto e Sebastião Laranjeiras, chegou a chover de forma mais expressiva.

A expectativa para o setor produtivo é boa, já que as previsões de longo prazo indicam maior constância das chuvas de novembro a janeiro, o que deve favorecer as safras de sequeiro. Os modelos meteorológicos apontam a intensificação do fenômeno La Ninã, com tendência de mais chuvas na metade norte do país e estiagem em áreas do Sul, principalmente no Rio Grande do Sul.

O fim da estiagem agrícola no município ocorreu no último dia 11, um temporal de mais 50 mm, com registro de granizo em algumas localidades, interrompeu a estiagem agrícola depois de 179 dias sem chuvas expressivas.

Alerta para Sul da Bahia e Norte do Espírito Santo

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), por meio do Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul (Alert-AS), emitiu alerta de perigo potencial válido até o fim da manhã deste sábado, abrangendo áreas do Norte do Espírito Santo, Sul e Sudoeste Baiano.

Nestas regiões, podem ocorrer temporais de 20 a 30 mm por hora ou até 50 mm por dia, além de ventos de 40 a 60 Km/h. O alerta é classificado como de “Perigo Potencial”, com baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui