19.2 C
Guanambi
13.3 C
Vitória da Conquista

Casos da Covid-19 caem pela segunda semana em Guanambi, mas internações batem recorde

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




Mais 29 casos da Covid-19 foram registrados em Guanambi neste sábado (27), segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Boletim Epidemiológico. Agora são 5.105 casos registrados, sendo que 221 estão ativos. Ainda há 248 pacientes com sintomas da doença aguardando o resultado dos exames.

O acumulado da semana foi de 261 casos, representando queda pela segunda semana consecutiva, após pico na semana finalizada no último dia 13, quando foram fechados 375 casos. Na semana passada, o número de novos infectados permaneceu em alta, mas com queda em relação à semana anterior, com 344 casos.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

O número de óbito nas últimas duas semanas também caiu em relação às duas semanas anteriores. Nos primeiros 14 dias de março, o município registrou 12 óbitos, já nos últimos 14 dias foram 6 pacientes mortos.

As quedas ocorrem justamente após o fim do período de restrições mais severas no município, iniciadas em 1º de março e estendidas até o dia 14. Algumas das medidas foram flexibilizadas, como o reabertura do comércio não essencial. No entanto, no momento está proibida a venda de bebidas alcoólicas nos 22 municípios da região e continua vigorando até 5 de abril o toque de recolher noturno a partir das 18h.

Apesar da baixa no número de casos, a procura de pacientes com sintomas semelhantes aos da Covid-19 por atendimento médico continua alto, com mais de 100 atendimentos no Pronto Atendimento nos dias mais movimentados da semana.

Além disso, o número de pacientes hospitalizados chegou a 43, o maior já registrados desde o início das notificações, em março de 2020. Deste total de pacientes, 14 são idosos, com 60 anos ou mais. Os outros 29 têm menos de 60 anos, incluindo uma criança de 9 anos uma adolescente de 15 anos.

As taxas de ocupação do PA, do Hospital Municipal e do Hospital de Campanha são respectivamente de 53,3%, 50% e 100%. No Hospital Geral de Guanambi (HGG) e no Hospital Municipal Oconlógico de Caetité, a taxa de ocupação é de 100% dos 20 leitos (10 de cada unidade) de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Em Vitória da Conquista, dos 70 leitos dedicados ao tratamento da Covid-19, 66 estão ocupados.

A mudança no perfil das internações, com pacientes cada vez mais jovens, pode está associada com a circulação de uma nova variante do coronavírus registrada em Manaus e circulando desde fevereiro em Guanambi.

Ainda neste sábado, mais um óbito foi registrado na cidade. A vítima foi uma idosa de 95 anos, admitida no dia 14 no PA Covid. Ela foi transferida para o Hospital Municipal, onde permaneceu internada, fazendo uso de máscara de oxigênio de alto fluxo e ventilação mecânica, enquanto aguardava regulação para leito de UTI em hospital de referência. A vítima não possuía comorbidades.

Desde o início da pandemia, 42 pessoas morreram com a Covid-19 em Guanambi.




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -