33.7 C
Guanambi
27.9 C
Vitória da Conquista

Guanambi, Vitória da Conquista e mais 75 cidades terão sistemas de reconhecimento facial e de placas

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




Barreiras, Bom Jesus Da Lapa, Brumado, Guanambi, Ibotirama, Jequié, Vitória da Conquista e mais trinta cidades baianas passarão a contar com os Sistemas de Reconhecimento Facial e de Placas ainda em 2021. Os equipamentos integram o ‘Projeto Vídeo Polícia’, lançado em 2018, e que agora será ampliado para a Região Metropolitana e interior do estado.

Outros 40 municípios, como Caetité e Rio de Contas, contarão com o serviço a partir de 2022.

De acordo com o Governo do Estado, a ordem de serviço foi assinada, nesta terça-feira (27), pelo governador Rui Costa e pelo secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino. Desde o lançamento, a tecnologia já foi responsável pela prisão de 211 procurados pela Justiça.

O investimento, avaliado em aproximadamente R$ 665 milhões, inclui a prestação de serviço através do consórcio vencedor da licitação, o conglomerado Oi SA e Avante SA, por cinco anos. Na primeira fase da expansão, a tecnologia chegará a 39 cidades da Região Metropolitana e do interior até o final deste ano. Os demais municípios terão os sistemas implantados até o final de 2022.

“É a expansão de uma tecnologia em larga escala, sendo utilizada para localizar foragidos, socorrer pessoas e diria também para servir de apoio às funcionalidades das cidades em casos de atendimentos de emergência. Em 2018 tivemos o projeto piloto, agora, nessa expansão do reconhecimento Facial e de Placas, nosso foco inicial é direcionado para grandes cidades”, declarou o governador, Rui Costa.

A expansão do projeto prevê a instalação de 4.095 câmeras, priorizando a implantação nos municípios com maior quantidade de habitantes, índices criminais, entre outras condições. Diferentemente da primeira contratação, que foi feita com a aquisição das câmeras, a ampliação do sistema adotará a implantação de pontos de imagens, o que permite a atualização dos equipamentos à medida em que a tecnologia avance, sem novos custos para o Estado.

“Todo o processo licitatório foi acompanhado pelo Tribunal de Contas do Estado, Ministério Público e Procuradoria Geral do Estado. Tomamos todas as medidas para garantir a lisura no processo”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino.

O protocolo de atuação policial em casos de alerta continua o mesmo, com a confirmação da identificação pessoal e, em casos de confirmação, condução para unidade da Polícia Civil.

Inovação

Reprodução | SSP-BA

Além de aumentar o número de municípios atendidos pela tecnologia, o projeto traz mais uma inovação, a adoção de 3.917 terminais de rádio comunicação de voz, vídeo e dados que serão implantados em viaturas das unidades da Polícia Militar da capital e região metropolitana. Os chamados rádios transceptores permitirão o acesso imediato das equipes policiais nas ruas aos alertas emitidos pelos sistemas de reconhecimento facial e de placas, em tempo real.

O equipamentos visam a diminuir o tempo-resposta na localização dos suspeitos alertados pelo sistema. Antes da expansão, apenas o Centro Integrado de Comunicações recebia o alerta e realizava acionamento da equipe mais próxima para ajudar a encontrar o procurado. Além de receber os alertas em tempo real, os rádios transceptores também permitem a gravação de imagens no momento das abordagens.

O superintendente de Telecomunicações, coronel Renato Lima, apresentou uma simulação em tempo real sobre o funcionamento dos sistemas de reconhecimento Facial e de Placas.

“Podemos afirmar que esse é o maior investimento em tecnologia em prol da segurança pública realizado pelo estado e, sem dúvidas, um dos maiores do país”, afirmou o superintendente de Gestão Tecnológica e Organizacional, coronel Marcos Oliveira.

Informações como a existência de mandados de prisão, foto e dados pessoais do foragido – cadastradas no banco de dados da Secretaria da Segurança Pública – chegarão no terminal, que pode ser instalado no painel da viatura ou disponibilizado de forma móvel.

Confira a lista das cidades

Etapa 2021

Alagoinhas, Barreiras, Bom Jesus Da Lapa, Brumado, Camaçari, Candeias, Dias D´Ávila, Eunápolis, Feira De Santana, Guanambi, Ibotirama, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itamaraju, Itaparica, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Lauro De Freitas, Luis Eduardo Magalhães, Madre De Deus, Mata De São João, Paulo Afonso, Pojuca, Porto Seguro, Salvador, Santa Maria Da Vitória, Santo Antonio De Jesus, São Francisco Do Conde, Senhor Do Bonfim, Simões Filho, Teixeira De Freitas, Valença, Vera Cruz e Vitória Da Conquista.

Etapa 2022

Alcobaça, Amargosa, Andaraí, Caetité, Cairu, Capim Grosso, Casa Nova, Catu, Cruz das Almas, Entre Rios, Érico Cardoso, Esplanada Cachoeira, Euclides da Cunha, Itacaré, Itiruçu, Jussiape, Lapão, Lençóis, Maragogipe, Mucugê, Nova Fátima, Novo Triunfo, Olindina, Pindobaçu, Ponto Novo, Prado, Rio de Contas, Santana, Santo Amaro, Santo Estevão, São Miguel das Matas, Serra Dourada, Serrinha, Tabocas do Brejo Velho, Ubaíra, Seabra, Ubatã e Vale do Capão.




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -