29.4 C
Guanambi
26.6 C
Vitória da Conquista

Hospital Municipal de Guanambi será desmobilizado para Covid e retomará cirurgias eletivas nos próximos dias

Mais Lidas

https://materiais.henet.com.br/guanambi

A Secretaria de Saúde de Guanambi planeja realizar cirurgias eletivas no Hospital Municipal já no início do mês de outubro. A informação foi dada pela médica Roberta Mota, titular da pasta.

De acordo com a secretária, a unidade será desmobilizada para atendimentos de Covid-19 e parte da estrutura será remontada em uma ala exclusiva do prédio da antiga Promater, onde funciona o Pronto Atendimento da Covid. Em agosto, a pasta já havia encerrado os trabalho no Hospital de Campanha montado em parceria com a UniFG.

Atualmente, o Hospital Municipal funciona em sede alugada, localizada na rua Rui Barbosa e já concentrou toda a sua estrutura, no atendimento para os pacientes acometidos de Covid-19.

Ainda de acordo a secretária, a perspectiva é da realização mensal de uma média de 200 cirurgias. Atualmente, 140 desses procedimentos mais graves são realizados nos Hospitais credenciados como Policlínica e Nova Aliança.

A secretária também anunciou que será entregue uma sala para internamentos transitórios de pacientes psiquiátricos nos próximos dias. O ambiente será destinado a pacientes que aguaram transferências para o hospital de referência em Vitória da Conquista ou outros municípios.

Casos de covid-19 e internados no município 

De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde de Guanambi, há apenas 5 casos ativos no município, sendo que 3 pacientes estão internados. Outros 44 aguardam resultado.

Já foram registrados 10.973 casos de covid-19 na cidade, destes, além dos ativos, 10.740 estão recuperados e 128 morreram.

Ainda segundo o boletim, a taxa de ocupação do PA-Covid-19 de Guanambi é de 37,5% e o hospital de campanha já foi desativado.  As taxas de ocupação também são baixas nos hospitais de campanha que atendem toda a região sudoeste  – Caetité com 5% , Vitoria da conquista 26,6% e Salvador com 40% de ocupação

Reprodução

Atualmente, o município vem registrando baixos índices de casos de Covid-19. Do dia 1º até esta quarta-feira (29), foram registrados apenas 49 casos de Covid-19. Números semelhantes à este, foram registrados nos meses de maio e junho de 2020, 45 e 46 casos, receptivamente. Na época, a cidade vivia o início na pandemia.

A queda de caso vem acontecendo há meses – o mês de agosto fechou com 403 novos casos de Covid-19, número semelhante aconteceu em outubro do ano passado, com 389 novos casos.

De acordo com dados do Comitê de enfrentamento à Covid-19 de Guanambi, por quatro mês seguindo, Guanambi registrou mais de mil novos casos de covi-19 por mês.

O mês com mais novos casos de Covid-19 foi em junho, com 1.808, em seguida maio com 1.509 e março com 1.481 novos casos da doença. O mês de abril teve uma leve queda para 1.040 novos infectados na cidade.

PMG | Reprodução

Mortes por complicações da Covid-19

A quantidade de óbito na cidade também vem reduzindo. Até o dia 29, foram dois registros em setembro. Nos meses de julho e agosto foram registrados sete óbitos em cada.

O mês de junho, além de registrar mais casos de Covid-19, liderou na quantidade de óbitos – 28 pessoas morreram por complicações da doença. Em seguida, os meses de março (26 óbitos), abril (17 óbitos) e maio (16 óbitos).

Em 2020, o município registrou 5 óbitos relacionados à Covid-19 – sendo sete casos de 22 de agosto a 15 de novembro, e mais oito casos de 16 de novembro até o final do ano.

PMG | Reprodução

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas Notícias