Leitor Agência Sertão

Também choveu forte em Malhada, às margens do rio São Francisco, distante 110 quilômetros de Guanambi. Segundo informações José Castor, secretário de Agricultura do município, o acumulado no dia foi de 91 mm.

Choveu forte pela manhã e a tarde caiu um temporal de cerca de 60 mm em apenas 45 minutos, o que fez que ocorressem alagamentos em algumas bairros da cidade.

Água alagou ruas e chegou a invadir casas, no entanto, ninguém ficou desalojado.

Nível do rio São Francisco

O nível do rio São Francisco continua aumentando, chegando a 6,45 m na tarde de domingo, em Malhada. A previsão é de que o nível continue subindo devido à abertura das comportas da Usina Hidroelétrica de Três Marias, em Minas Gerais.

Segundo o Serviço Geológico do Brasil (CPRM), o pico de cheia do Velho Chico deve ser alcançado na próxima quarta-feira (11), em Malhada e Carinhanha, e em Bom Jesus da Lapa no dia seguinte. O órgão não estima qual será o nível que o rio irá atingir quando chegar em território baiano.

Balneário Pontal em Carinhanha, tarde de sábado (7) – Foto: Domingos Lisboa

A princípio, não há risco de alagamento de cidades. A preocupação das Defesas Civis dos municípios deve estar voltada para a população ribeirinha e de ilhas.

Em Três Marias a situação se normalizou e não deverá ser necessário aumentar a defluência. Na noite desde domingo, segundo dados da Cemig, responsável pela festa administração da usina, a vazão afluente ficou menor do que a vazão defluente às 22h.

Depois de receber mais de 5.000 m³/s na semana passada, a vazão de entrada chegou a 2.065,6³/s, menor do que a defluência que está em 2.066 m³/s. As comportas devem continuar abertas pelo menos até sexta-feira (13). A previsão não está apontando para possibilidades de fortes chuvas nas cabeceiras do Velho Chico nos próximos dias.

Chuva forte em Rio de Contas e Livramento de Nossa Senhora

Choveu forte em Livramento de Nossa Senhora (145 quilômetros de Guanambi), Rio de Contas e outros municípios daquela região neste domingo (8).

Os moradores ficaram impressionadas com uma cena não muito comum nos últimos anos de seca, o volume da cachoeira Véu de Noiva.

A queda d´água de mais de 200 metros é formada pela salto do rio Brumado na Serra das Almas, no Pontal da Chapada Diamantina, próximo à divisa com o município de Rio de Contas.

A chuva foi intensa em toda a região da serra cortada pelo rio e a vazão do rio aumento muito neste domingo. Segundo moradores da cidade, esta é uma das maiores cascatas formadas na cachoeira em pelo menos dez anos.

O nível do rio Taquari também subiu e impressionou ao tocar a ponte no fim da tarde. Este rio desaguá no rio Brumado próximo à entrada da cidade de Livramento de Nossa Senhora. O rio Brumado, por sua vez, viaja até a sua foz no rio de Contas, no município de Tanhaçu.

Ceraíma

Choveu bastante na cabeceira dos rios formadores do lago de Ceraíma. Imagens enviadas por moradores mostra o grande volume de água que desce em direção à barragem.

Até a última sexta-feira (6), a barragem segurava 84% de seu volume útil. A expectativa é de esse percentual cresça até meados da semana que se inicia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui