Fonte: Observatório UniFG

Desde a notificação dos primeiros casos em 15 de maio, o coronavírus já foi detectado em moradores de 40 bairros, dois distritos e uma comunidade rural de Guanambi. O maior número de casos foi detectado no bairro Belo Horizonte, onde 40 trabalhadores das obras da linha de transmissão de energia testaram positivo, eles são de outras localidades e estão alojados em uma pousada alugada pela emprea. Todos estão recuperados e nenhum morador do bairro foi infectado.

Considerando apenas os casos ativos, o bairro Alvorada lidera o índice, com 8 moradores com o vírus de um total de 9 infectados, seguido pelo bairro Vomitamel com 4 de um total de 9 e do São Francisco com 3 de um total de 7. Juntos, os três bairros somam 15 casos ativos, mais da metade do total de 29.

O Distrito de Mutãs também tem três casos ativos da Covid-19, de um total de 5 e o Centro de Guanambi tem 2 pacientes ativos com o vírus de um total de 7 contaminados. Ainda há casos ativos no bairros Santa Catarina (2), Araújo (1), Candeal (1). Ipiranga (1), São Sebastião (1), Marabá (1), Paraíso (1) e Brasília (1).

Outros 28 bairros não têm mais casos ativos da doença e os demais 38 ainda não registram casos entre seus moradores.

Boletim 16 de julho

A secretaria de Saúde de Guanambi divulgou o boletim epidemiológico da Covid-19 no início da noite desta quinta-feira (15), confirmando mais dois casos de coronavírus nas últimas 24 horas.

Todos os quatro diagnósticos foram obtidos por exame laboratorial no Lacen/BA. O número de pacientes recuperados subiu de 105 para 108 e de casos ativos caiu de 30 para 29, de um total de 137 casos. São  64 pacientes aguardando resultado do exames laboratoriais.

Os novos casos foram detectados em pacientes do sexo masculino, sendo um na faixa etária de 20 a 29 anos e outro na faixa de 30 a 39 anos. Os dois apresentam sintomas como febre, tosse, dor de garganta, dispneia e falta ou perca do paladar e olfato.

Os novos casos aconteceram no bairro São Francisco e Centro e nenhum dos novos pacientes possui comorbidades.

Em Vitória da Conquista, onde estão os 50 leitos de UTI para o tratamento da doença, a taxa de lotação chegou a 96%, restando apenas dois leitos disponíveis para 1,8 milhão de habitantes de 74 municípios.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen) analisou 17 exames nas últimas 24 horas e 15 tiveram resultado negativo. Desde o início da pandemia, 464 casos suspeitos foram descartados. Outros 58 tiveram resultado positivo. Já os testes rápidos detectaram 79 positivos e 2170 negativos.

O pronto atendimento médico dedicado ao tratamento da Covid-19 já atendeu 869 pessoas com Síndromes Gripais. No local foram realizados 291 testes rápidos, 206 exames laboratoriais e 24 exames de Raio-X. Um paciente encontra-se internado na unidade de saúde.

O boletim informa sobre a sintomologia da doença. Entre os infectados pelo coronavírus em Guanambi, 75 são ou foram assintomáticos e outros 62 desenvolveram sintomas como febre, tosse, dor de garganta, dispneia e falta ou perca total do paladar e olfato.

Entre os infectados, 21 possuem comorbidades, sendo 68,6% do sexo masculino e 31,4% do sexo feminino.

Fonte: Secretaria de Saúde

Também foram divulgados dados sobre profissionais de saúde contaminados. Até o momento foram 27 trabalhadores desse setor contraíram o vírus, médicos (7) e técnicos de enfermagem (3) são os mais afetados.

Casos por bairros

40 Casos – Bairro Belo Horizonte

09 Casos – Bairro Vomitamel – Bairro Alvorada

07 casos –  Bairro Novo Horizonte – Centro – Bairro São Francisco

04 Casos –  Bairro BNH

03 Casos – Bairro Beija Flor – Bairro Residencial dos Pássaros – Bairro Santa Catarina – Bairro Sandoval Moraes

02 casos – – Bairro Alto Caiçara – Bairro Araújo – Bairro Bela Vista – Bairro Bom Jesus – Bairro Jardim São João – Bairro Ipiranga – Bairro São Sebastião

01 caso

Bairro Paraíso –  Bairro Brindes – Bairro Candeal – Bairro Floresta –  – Bairro Leolina de Sá – Bairro Liberdade – Bairro Loteamento Sandoval Moraes 2 – Bairro Monte Azul – Bairro Monte Pascoal – Bairro Morada Nova – Bairro Renascer –  Santa Luzia – Bairro Santo Antônio – Bairro Aeroporto Velho – Bairro Brasília – Bairro São Vicente –  Bairro São José – Bairro Vila Nova – Maraba

Zona Rural e Distritos

01 Zona Rural
02 Distrito de Morrinhos
05 Distrito de Mutans

Nessas localidades, a secretaria de Saúde recomenda que as  medidas de distanciamento e práticas de higiene sejam redobradas.

Monitoramento

A Atenção Básica tem orientado sobre a importância do isolamento social dos pacientes testados positivo e das pessoas que residem no mesmo domicilio, mesmo que assintomáticos, assim os profissionais da secretaria de saúde, realizam ligações diariamente durante 14 dias a esses pacientes com o intuito de monitorar os sintomas e orientações. Atendimentos e tele atendimentos psicológicos estão sendo ofertados aos pacientes com suspeita e confirmados de Covid-19, e aos profissionais da linha de frente da secretaria de saúde, até o momento foram realizados 171 atendimentos.

Nesta situação de enfrentamento à pandemia, as Barreiras Sanitárias, instaladas nas entradas do município desde o dia 24 de março, conseguiram catalogar 274.858 veículos e 593.008 pessoas.

Ainda há 1.406 pessoas vindas de áreas de risco em monitoramento e 8.305 já receberam alta do monitoramento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui