30.3 C
Guanambi
24.5 C
Vitória da Conquista

Guanambi: Justiça acata denúncia e ex-prefeito vira réu por permitir uso irregular de veículo

9,081FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

Tiago Marques | Agência Sertão

A juíza da 1ª Vara Criminal de Guanambi, Adriana Silveira Bastos, acatou o pedido do Ministério Público e o ex-prefeito Charles Fernandes virou réu por permitir o uso irregular de um automóvel.

O veículo em questão é um VW/Gol 1.0 de propriedade de Núbia Barbosa. Segundo a denuncia, o automóvel estava a disposição Dorisvaldo Rodrigues Lobo (Dori), correligionário político do ex-prefeito e que na época era presidente municipal do Partido dos Trabalhadores e diretor administrativo do Hospital Regional de Guanambi (HRG). Dori é cunhado de Núbia, ela recebia R$2.100 por mês da prefeitura pelo aluguel do automóvel.

Segundo a denúncia, Dori usou o veículo para fins particulares entre abril de 2015 a abril de 2016. O automóvel estava lotado na Secretaria de Indústria e Comércio, responsável pelo pagamento das despesas de aluguel e de combustivel. Na denuncia apresentada à Justiça, a promotoria avalia que o prejuízo causado aos cofres públicos foi de R$25.200,00.

Persistindo no mesmo erro

- Advertisement -

O Ministério Público abriu nesta segunda-feira (6), procedimento para investigar o uso irregular de outro veículo. Um VW Gol alugado pela prefeitura estaria sendo usado para fins particulares do ex-prefeito Charles Fernandes.

Charles Fernandes tem rodado a região em busca de apoio para sua candidatura a deputado federal em 2018. Em momento onde o eleitor procura opções para renovar os quadros legislativos, o ex-prefeito aparece como opção. No entanto, terá que desviar um o foco de sua pré-campanha para se defender deste novo processo. Em junho deste ano, Charles se tornou réu em um processo que apura irregularidades em licitações para contratação de artistas para festejos populares da cidade.

As medidas tomadas pela justiça até o momento não impedem a candidatura do ex-prefeito. A legislação eleitoral prevê que o candidato precisa ser condenado por decisão colegiada para se tornar inelegível. Apesar de ser réu em dois processos, Charles não possuiu condenação em nenhuma instância.

Oportunidades Guanambi: Justiça acata denúncia e ex-prefeito vira réu por permitir uso irregular...

Deixe uma resposta

Relacionadas