Vestibular 2020 da UniFG

O Centro Universitário UniFG realizará, na próxima terça-feira (12), às 17h30, o I Café Literário UniFG. O evento acontece no campus São Sebastião, em Guanambi.

Nesta primeira edição, ocorrerá o lançamento do livro “Breve história da vida e morte de Anísio Teixeira”, com presença do autor, Prof. João Augusto de Lima Rocha, e de Haroldo Lima, que escreve o prefácio da obra.

O livro, fruto de uma pesquisa de 30 anos desenvolvida pelo autor, resgata a história da vida de Anísio Teixeira e explica o episódio da sua morte, refutando a tese de que Anísio teria morrido em um acidente.

Durante o evento, também será realizado o descerramento da placa da Sala de Defesas do Mestrado em Direito da UniFG, que passará a se chamar Sala Anísio Teixeira. De acordo com a Assessoria de Comunicação da instituição de ensino, “essa é uma justa homenagem ao grande educador brasileiro, nativo de Caetité, que teceu sua vida em prol da luta por uma educação pública, laica, gratuita e de qualidade.

A Profa. Adriana Bomfim, coordenadora de Cultura da UniFG, considera esse um momento de extrema relevância social e educacional, tendo em vista as imensas contribuições que Anísio Teixeira trouxe à educação de nosso país.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

“A realização desse evento reforça o compromisso social e político que a instituição possui com a educação. Integramos o Núcleo de Estudos Anísio em Movimento, em parceria com a Casa Anísio Teixeira. Esse Núcleo tem como objetivo resgatar e divulgar a vida e obra do grande mestre e teórico da educação que foi Anísio. A realização deste evento aqui na UniFG nos alegra e mantém nossa esperança de que podemos, como sempre nos lembrou Anísio, transformar a sociedade através da educação”, afirma.

Via Ascom UniFG

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui